Privatização: Promessas de investimentos e geração de empregos não se cumprem


O tempo passa, as promessas se repetem, mas não são cumpridas. Neste vídeo, o coordenador geral do Sindipetro-ES, Valnísio Hoffmann, relembra as promessas de investimentos e produção de petróleo. Nada do que foi prometido foi feito como anunciado com toda pompa.


Precisamos estar alertas quando é dito que a saída da Petrobrás do Espírito Santo não irá afetar a economia e os empregos no estado. A nossa história mostra que vai afetar sim, e muito.


#PetrobrásFicanoES